sábado, 2 de julho de 2016

Record extingue jornalístico premiado e demite jornalistas.

Emissora confirma


Record extingue jornalístico premiado e demite jornalistas

Esta sexta-feira (1) não foi nada boa para quem trabalha no departamento de jornalismo da Record, que realizou demissões e extinguiu programas.

Segundo o colunista Flávio Ricco, o premiadíssimo "Repórter Record Investigação", apresentado por Domingos Meirelles desde 2014 na emissora, foi cancelado. 

O programa fazia uma dobradinha na chamada "noite de jornalismo" da emissora, às quintas-feira, mas nesta faixa conseguiu vencer apenas uma vez o programa "A Praça é Nossa", do SBT.

Os profissionais foram dispensados e avisados na tarde desta sexta e já começaram a ser desligados.

Toda semana, o "Repórter Record Investigação" trazia uma matéria exclusiva, e somente no ano de 2015 ganhou exatos 11 prêmios de renome, como o Prêmio Tim Lopes de Jornalismo Investigativo, Prêmio CBIC de Jornalismo e Prêmio Vladmir Herzog de Jornalismo.

Ainda não se sabe se Domingos Meirelles ficará na emissora - à principio, apenas sua equipe foi dispensada. 

Além do fim do jornalístico, dois repórteres do "Jornal da Record" foram demitidos. Os jornalistas Ogg Ibrahim e Josmar Jozino não trabalham mais para o canal.

Ainda não se sabe o que vai ocupar o horário das quintas-feiras às 23h30. Seu antecessor, o "Câmera Record", de Marcos Hummel, continua no ar até segunda ordem.

Procurada pela reportagem do NaTelinha, a assessoria de imprensa da emissora confirmou apenas a "descontinuação" do "Repórter Record Investigação".

postado por cicero luis

RESTAURANTE SERTANEJO


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

BAZAR EDUCATIVO LIONS / PARTICIPE.